Olá arrobas leitoras. Calma, não é aquela @ que faz o fazendeiro botar grana no bolso, falo da @ do passarinho azul, o Twitter, que muitos amam, outros nem tanto assim.
Você já teve aquela sensação de que tem alguém te observando enquanto está fazendo alguma coisa? Já deu pitaco nas conversas de outras pessoas no meio do mercado ou no jogo de futebol? Conversa sozinho e responde, trava aquele dialogo solitário?  Se isso é comum para você, então pode acessar a rede e começar a tweetar, mesmo que com apenas 140 ou 280 caracteres ( letras). O twitter foi feito pra você meu amigo.

Lá tem notícia:
tt-noticioso
Lá tem uma pegada diferente que as empresas ousam fazer:
tt-rola-a-graca

tt-rola-a-graca-2
Mas na maioria das vezes tem aquele velho diário, onde você conversa com seu próprio ser e eventualmente chega uma @ solidária para te consolar, te criticar ou até mesmo xavecar, e se ninguém comentar, olha que coisa boa, você vai seguir sua vida normalmente, pois se quisesse falar com alguém era só citar a @ específica e tudo ia de boa.
Mas qual a graça verdadeira? Para muito é a oportunidade de se soltar, colocar na Bio, aqui é outra história, segue quem quer ( há controvérsias, mas é um fato adotado) e falar o que der na telha, buscar as “tretas”, e ser feliz.
Se bem que tem dias que tudo fica morno, meio parado.

tt-e-quando-nao-tem-tretaSe você é e boa e gosta do deboísmo, que tal tentar a rede? Tem @s interessantes sim e tem as estressantes também, mas juntas elas fazem a casa mais legal e divertida da internet.

Se quiser seguir, estou por lá @leonardo_maxs e o nosso Banda no @BlogBandaLerda

Comentários